Benefícios do consumo de mel

/ Por marketing

Thumbnail

mel é um produto muito versátil. Além de ser uma rica fonte de proteínas e sais minerais na alimentação, com todos os benefícios associados a saúde, também apresenta grande potencial terapêutico. 

O consumo de mel cru local ajuda com alergias sazonais, devido à exposição repetida ao pólen na área. Também tem propriedades antissépticas e antibacterianas: a ciência médica moderna encontrou usos para o mel no tratamento de feridas crônicas e no combate a infecções.
 
Conheça um pouco mais sobre os benefícios:
 
Curando feridas e queimaduras
Um relatório publicado na The Cochrane Library indicou que o mel pode ajudar a curar queimaduras.

Reduzindo a duração da diarreia
De acordo com análises baseadas em pesquisas sobre o mel, foi demonstrado que diminui a gravidade e a duração da diarreia. O mel também promove o aumento da ingestão de potássio e água, o que é particularmente útil quando ocorre diarreia.
 
Aliviando os sintomas de resfriado e tosse
O mel pode ser benéfico no alívio dos sintomas de resfriado ou tosse. A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda o mel como remédio natural para a tosse. No entanto, eles recomendam que o mel não seja adequado para crianças menores de um ano.
 
Substituindo o açúcar adicionado na dieta
Açúcar adicionado na dieta além de não trazer benefício nutricional, pode levar a um aumento do peso corporal, que aumenta o risco de pressão alta e diabetes.
O mel pode ser adicionado aos alimentos e bebidas para adoçar sem o impacto negativo na saúde dos açúcares adicionados. No entanto, como o mel ainda é adoçante, é importante ficar atento à quantidade de mel utilizada.
 
Solução cosmética
Em alguns casos, o mel é apontado como uma solução cosmética para a pele rachada, seca, com espinha. É matéria prima para diversas marcas de produtos de beleza.
 
 
A B2Brazil torna possível encontrar diversos fabricantes e fornecedores qualificados de mel, inclusive orgânico, e ainda permite que empresas brasileiras sejam encontradas por compradores internacionais interessados.
 

 

Fonte MedicalNewsToday - Joseph Nordqvist.  

marketing
marketing

Usuário Marketing

Você também pode gostar