10 dicas para fechar parcerias empresariais certeiras

/ Por marketing

Thumbnail

A sua empresa quer ganhar competitividade no mercado? Está em processo de expansão? Visa fechar parcerias certeiras em 2021? Veja 10 dicas que preparamos para colocar isso em prática e obter sucesso nos negócios!

1. ALINHE EXPECTATIVAS
Qualquer negociação duradoura começa com transparência. Isto é, alinhe antes de reuniões com suas potenciais parcerias o seu objetivo nessa ação e desenhe uma parceria ideal de acordo com a situação da sua empresa. Defina também para onde deseja que a parceria caminhe a médio prazo e quais “dores” você pode solucionar para a empresa parceira. 

Ao formalizar sua proposta, seja objetivo e claro apresentando os detalhes do acordo, principais desafios que ambos terão com a nova parceria (seja concorrência, metas estipuladas, equipe responsável pelo acordo e cláusulas de rescisão). Fazendo isso, você  demonstra realismo com a parceria sem deixar de apresentar seus pontos fortes. 

2. ENTENDA A SUA REALIDADE 
Parcerias duradouras requerem conexão com valores e crenças. Logo, investigue parcerias antigas que o seu parceiro-alvo já teve e se houve alguma quebra de acordo (caso sim, busque entender o motivo). Isso te trará uma análise mais efetiva da potencial parceria e previne possíveis quebras de contrato.

3. FAÇA NETWORKING REGULARMENTE
Como já se sabe, a parceria só compensa se suprir a necessidade de ambos os envolvidos. Por isso, é preciso “sair da caixinha” para estabelecer conexões que realmente vão beneficiar o bolso da sua empresa. 

É importante destacar que da sua lista de potenciais parceiros, algumas ocorrerão de forma pontual enquanto outras serão mantidas a longo prazo. Para esse caso, vale lembrar o que foi dito: conhecer parcerias com crenças e atitudes semelhantes trará resultados positivos e menos dor de cabeça em seu ano, portanto não meça esforços para buscar novos contatos profissionais. 

4. LISTE SEUS POTENCIAIS PARCEIROS 
A quarta dica reforça a importância de conhecer o seu público-alvo. Isso trará a possibilidade de fazer uma parceria alinhada ao tipo de serviço que deseja agregar ao seu cliente. Portanto, saiba se a parceria é necessária ou se internamente o mesmo tipo de serviço já não seria fornecido. Isso aumenta as chances de fechar com uma boa parceria sem perder o potencial dos seus colaboradores.

5. PROPOSTA PERSONALIZADA 
Igualmente importante, é investigar da lista de potenciais parcerias o que cada uma oferece, por quais motivos e quais benefícios pode obter. Ao fazer isso, você terá uma proposta distinta entre cada empresa e ficará mais fácil a comparação de qual parceria é a melhor para a sua realidade naquele momento. Feito isso, combine uma reunião e apresente dados de mercado para fundamentar a sua proposta e gerar mais confiança na hora do acordo ser firmado. 

6. REGRAS CLARAS
Considerando que já aplicou as dicas anteriores, é hora de marcar uma reunião para tratar de assuntos técnicos. É comum que o desejo de fechar o acordo sobressaia a necessidade de temas não muito atraentes (como as cláusulas de rescisão). Porém, empresas que estão há pouco tempo no mercado devem sempre considerar imprevistos e quebras de contrato. 

É recomendável fazer uma apresentação que aborde todos os pontos e não fique receoso em findar a parceria caso os benefícios prometidos não estejam sendo vistos. 

7. VALORES FIXOS 
Para saber qual a melhor parceria para o seu caso, conheça as metas e valores do seu negócio. Caso as potenciais parcerias sejam atraentes para o fluxo de caixa da empresa mas não compartilhem dos mesmos valores que você, reflita se vale avançar na negociação. Para parcerias pontuais, o choque de ideias será menor. Contudo, ao fechar um acordo a sua imagem passa a estar atrelada com a empresa parceira e por isso analise se isso não trará pontos negativos para você a longo prazo. 

8. CONHEÇA A CONCORRÊNCIA 
Uma boa maneira de determinar quem estará do seu lado nos próximos meses (e até anos) é identificar as principais concorrências do seu segmento. Isso aumentará a sua noção sobre os bastidores do mercado em que atua e quais empresas cumprem os acordos comerciais estipulados. Juntamente com a dica número três ‘faça networking regularmente’, apenas quem conhece a concorrência estabelece uma rede de contatos eficaz. 

9. GERENCIE OS RESULTADOS 
Feito a escolha de quais (ou qual parceria) está com você, não é hora de relaxar. Monitore as metas alcançadas regularmente, comunique-se com as parcerias para alinhar expectativas diante dos fatores externos negativos que possam surgir e sempre se pergunte se o acordo firmado ainda traz resultados reais para o seu negócio. Gerenciar parcerias requer fluidez de acordo com as tendências do seu setor. Assim, saiba o impacto da parceria ao longo dos meses e tome uma ação com base nisso. 

10. CONHEÇA A B2BRAZIL 
Uma forma segura e prática de fechar parcerias é encontrar seu parceiro no maior portal B2B da América Latina. Com mais de 175 mil empresas do mundo todo, será difícil não fechar acordos certeiros. Compradores solicitam o que precisam e vendedores oferecem seus produtos. A plataforma se encarrega de fazer esse encontro. Acesse nosso sitee alavanque o seu negócio!

B2B Academy
B2brazil
Cursos CNI
marketing
marketing

Usuário Marketing

Você também pode gostar